Textos



Quero o teu beijo

Espero o beijo quente e, tão perdidamente,
o rosto no meu rosto em verso alexandrino...
Que roubes desta boca o suco mais ardente,
desejo adormecido ao tom do meu destino.
Espero o beijo quente e, tão perdidamente,
a língua apaixonada e o toque mais divino...
Que roubes desta boca um gosto diferente,
perfume sedutor ao som de violino.

Sou cravo e sou canela - a doce Gabriela -
suspiro arfante em flor de cio adolescente,
gemido apaixonado em verso clandestino.

Enquanto o beijo louco em mim não se aquarela,
reclamo do meu corpo esse pudor fremente,
que rima em versos mil os sonhos do menino...

Sílvia Mota a Poeta e Escritora do Amor e da Paz
Piquete, 8 de junho de 2019 – 20h52
Imagem "Esse nosso amor" - Processo criativo Sílvia Mota
Sílvia Mota a Poeta e Escritora do Amor e da Paz
Enviado por Sílvia Mota a Poeta e Escritora do Amor e da Paz em 28/07/2019
Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários


Imagem de cabeçalho: jenniferphoon/flickr